Sobe para 31 o número de crianças mortas em incêndio no México

México, 6 jun (EFE).- O número de crianças mortas no incêndio ocorrido ontem em uma creche na cidade mexicana de Hermosillo subiu para 31 nas últimas horas, informaram hoje as autoridades do estado de Sonora.

EFE |

A Procuradoria-Geral de Justiça de Sonora já identificou 27 das vítimas, em sua maioria bebês que morreram asfixiados pela fumaça, embora outros tenham falecido devido a queimaduras de primeiro e segundo grau.

Cerca de outras 30 crianças foram internadas em diversos hospitais da cidade, situada a 1.959 quilômetros ao noroeste da capital mexicana.

Os corpos foram levados ao departamento de medicina legal da Procuradoria Geral de Sonora para ser entregues aos familiares.

Ontem à noite, muitos pais buscavam desesperadamente seus filhos pelos hospitais da capital de Sonora. A identificação dos mortos e feridos foi difícil pelo fato de que se tratava de crianças de pouca idade.

As autoridades ainda não esclareceram oficialmente as causas do incidente, embora a versão das testemunhas aponte que o fogo tenha começado em um depósito de pneus.

O incêndio atingiu o prédio vizinho, onde funcionava a creche ABC do Instituto Mexicano do Seguro Social.

O recinto não tinha saídas de emergência. Por isso, foi necessário derrubar os muros com um veículo para abrir buracos e evacuar as crianças.

As autoridades locais informaram que cerca de 60 crianças estavam na creche, mas fontes não oficiais asseguram que, no momento do incêndio, havia ao redor de 150 menores. EFE mf/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG