Sobe para 30 balanço de mortos em mina da Rússia

Mina na região russa da Sibéria foi atingida por duas explosões; há 60 desaparecidos

AFP |

AP
Trabalhadores de emergência reúnem-se perto de unidade de ventilação destruída na mina de Raspadskaya, atingida por explosões, na cidade de Mezhdurechensk, na Sibéria
O balanço de mortos das duas explosões em uma mina da Sibéria no sábado e no domingo subiu nesta segunda-feira para 30, anunciou o ministro russo das Situações de Emergência, Serguei Choigu.

"Segundo o último balanço, 30 pessoas morreram e 60 estão desaparecidas na mina. Prosseguimos com as buscas", declarou Choigu.

A primeira explosão na mina de Raspadskaia, na região siberiana de Kemerovo, aconteceu no momento em que mais de 300 trabalhadores estavam no local. Uma segunda explosão ocorreu quando as equipes de resgate já estavam na mina, na madrugada de domingo.

O balanço anterior registrava 12 mortos e 84 feridos. A mina de Raspadskaia é uma das mais importantes do país e abastece com carvão várias metalúrgicas da Rússia, Ucrânia, leste da Europa e Ásia.

    Leia tudo sobre: RússiaSibériamina

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG