Pequim, 20 ago (EFE).- As equipes de resgate chinesas encontram nas últimas horas os cadáveres de 11 mineiros em um poço no nordeste da China onde ocorreu uma explosão, por isso o número de vítimas fatais aumentou para 21, informou hoje a agência oficial Xinhua.

Correm risco de morrer outros quatro trabalhadores que continuam presos na mina Baijiagou, na localidade de Faku, onde aconteceu uma explosão na segunda-feira.

Mais de 80 mineiros trabalhavam dentro do poço no momento do acidente, mas 56 deles conseguiram escapar ilesos das galerias.

As minas chinesas, em particular as de carvão, são as mais perigosas do mundo, com 3.786 mortos em 2007. No entanto, esse número representou uma queda de 20% no número de vítimas fatais em relação ao ano anterior. EFE abc/an+

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.