Sobe para 18 o número de mortos em explosão de trem na Itália

Roma, 2 jul (EFE).- A explosão de um trem de mercadorias carregado com gás na localidade italiana de Viareggio já deixou 18 vítimas fatais, após a morte na madrugada passada de um dos feridos, segundo a imprensa local.

EFE |

Trata-se de um homem de nacionalidade marroquina que morreu em um hospital de Carrara, no noroeste da Itália, informaram os meios de comunicação italianos.

Treze dos mortos ainda não foram identificados e será necessário realizar exames de DNA.

Outras 20 pessoas permanecem internadas em estado grave em diferentes centros médicos.

A tragédia aconteceu por volta das 23h50 (18h50 de Brasília) da segunda-feira, depois que cinco dos 14 vagões de um trem de mercadorias descarrilarem quando se preparavam para entrar na estação de Viareggio.

A Procuradoria provincial de Lucca investiga um suposto delito de homicídio culposo e de incêndio culposo na explosão.

Por enquanto, não foi incluído o nome de nenhuma pessoa na investigação aberta e se continua verificando se o acidente do trem foi devido à quebra de um dos conjuntos de rodas de um vagão cisterna carregado com gás liquidificado de petróleo (GLP). EFE ebp/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG