Sobe número de mortos por inundações na Tailândia

Mortos pelas enchentes que atingem o sul do país já somam 689

EFE |

As autoridades da Tailândia elevaram neste sábado para 689 o número de mortos pelas inundações que atingem o sul do país, enquanto a água regride nas regiões norte e central, alagadas desde julho.

O Departamento de Prevenção e Mitigação de Desastres informou que 4,4 milhões de pessoas continuam sofrendo os efeitos das enchentes em dez províncias, incluindo a capital do país, Bangcoc.

Segundo a Federação de Indústrias Tailandesas, as inundações custarão ao setor privado 1,3 trilhão de bat (R$ 74,48 bilhões) em despesas de reparo e perda de lucro.

As enchentes alagaram mais de 10 mil fábricas em oito províncias e afetaram em torno de 660 mil trabalhadores, de acordo com os dados da citada federação.

As inundações na Tailândia, as piores nos últimos 50 anos, começaram em julho e se prolongaram até novembro depois que vários pântanos transbordaram por causa das fortes tempestades tropicais.

As autoridades conseguiram salvar o coração comercial de Bangcoc, embora a água tenha alagado o antigo aeroporto de Don Muang, destinado a voos nacionais, e bairros inteiros da periferia da capital.

    Leia tudo sobre: tailândiainundaçõesmortos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG