Sites relatam detenção de neta de Khomeini e irmão de Khatami no Irã

As forças de segurança iranianas detiveram nesta quinta-feira Zahra Eshraqi, neta do fundador da República islâmica, grande aiatolá Ruhollah Khomeini, e seu marido, Mohammed Reza Khatami, irmão do ex-presidente reformista Mohamad Khatami, informaram sites administradas pela oposição.

EFE |

A detenção, que não foi confirmada nem desmentida por fontes oficiais, teria ocorrido no centro de Teerã quando ambos seguiam para a manifestação convocada na capital pelo 31º aniversário do triunfo da Revolução.

As mesmas fontes da oposição informaram que o próprio ex-presidente Khatami e o líder opositor Mehdi Karrubi foram atacados por milicianos afins ao regime no centro de Teerã, mas não ficaram feridos.

Além disso, assinalaram que as forças de segurança detiveram também a Ali Karrubi, filho mais novo do ex-presidente do Parlamento e um dos líderes opositores que denunciou a fraude nas eleições presidenciais de 2009.

Manifestação pró-regime

Milhares de pessoas se concentraram hoje na emblemática praça Azadi, no centro de Teerã, para celebrar o 31º aniversário da Revolução em uma capital iraniana que amanheceu nesta manhã com ar de tensão e tomada pelas forças de Segurança.

A menos de meio quilômetro do ataque a Karrubi, o regime iraniano conseguiu reunir centenas de milhares de seguidores, que esperaram a chegada do presidente Ahmadinejad cantando slogans como "morte aos Estados Unidos" e "Morte a Israel".


Milhares de iranianos vão às ruas para comemorar aniversário da Revolução Islâmica / AP

Leia mais sobre Irã

    Leia tudo sobre: irã

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG