Sites de relacionamento dão prejuízo de US$ 2,2 bi na Grã-Bretanha, diz relatório

Funcionários que usam sites de relacionamentos como Twitter e Facebook no horário de trabalho estão causando um prejuízo de cerca de 1,4 bilhão de libras (US$ 2,2 bilhões) a empresas britânicas por ano, segundo um relatório.

BBC Brasil |

Mais da metade dos entrevistados admitiu usar sites de relacionamento durante suas jornadas de trabalho por razões pessoais. Em média, essas pessoas passam 40 minutos por semana nos sites.

A empresa de informática Morse, que encomendou a pesquisa, disse que esse tipo de comportamento prejudica a produtividade das firmas.

'Buraco negro'

Ao todo, 1.460 pessoas que trabalham em escritórios participaram da pesquisa. "A popularidade de sites de relacionamento como Twitter e Facebook cresceu consideravelmente nos últimos dois anos", disse Philip Wicks, da Morse.

"Entretanto, também cresceu a tentação de visitar os sites durante o horário de trabalho. O uso desses sites está se tornando um buraco negro na produtividade", acrescentou.

Segundo a Morse, embora muitas empresas tenham proibido o uso do Facebook no local de trabalho, o mesmo ainda não se aplica ao Twitter. Mais de três quartos dos participantes disseram que seus empregadores não haviam divulgado diretrizes sobre o uso do Twitter.

"Sem diretrizes e regras de uso, as empresas estão vulneráveis a reduções na produtividade, danos à marca e riscos à segurança", disse a Morse.

Leia mais sobre internet

    Leia tudo sobre: internet

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG