Síria saúda acordo para pôr fim à crise no Líbano

O chanceler sírio Walid al-Mualem, em visita a Manama, saudou nesta quarta-feira o acordo para pôr fim à crise no Líbano entre a maioria governista e a oposição, em declarações à AFP.

AFP |

Mualem ressaltou "a importância do acordo a alcançado pelos irmãos do Líbano" e manifestou a "esperança de que esse acordo seja um prelúdio para o fim da crise política no Líbano".

Os líderes da maioria parlamentar, apoiada pelo Ocidente, e da oposição, apoiada por Irã e Síria, chegaram a um acordo em Doha que contempla, entre outras coisas, a eleição de um novo presidente "nas próximas 24 horas", segundo anunciou em Doha o primeiro-ministro qatari, xeque Hamad ben Jassem al-Thani.

O acordo também proíbe o uso de armas para a otenção de fins políticos, afirmou.

mou/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG