Síria pede papel mais ativo da Europa no O.Médio

Damasco, 2 fev (EFE).- A Síria pediu hoje um papel mais ativo da União Europeia no Oriente Médio e insistiu na necessidade da suspensão do bloqueio contra a Faixa de Gaza, em vigor desde meados de 2007.

EFE |

A chamada foi feita pelo presidente sírio, Bashar al-Assad, depois de se reunir hoje com o ministro de Assuntos Exteriores irlandês, Michael Martin, que chegou hoje a Damasco para uma visita oficial, como parte de uma viagem pela região.

"Houve um acordo sobre a necessidade de suspender o bloqueio imposto ao povo palestino e abrir todos os postos fronteiriços para permitir a assistência e a reconstrução do que foi destruído pela ocupação israelense", diz um comunicado presidencial sírio.

Israel lançou um ataque contra a Faixa de Gaza em 27 de dezembro passado e suas tropas só se retiraram desse território palestino a partir de 18 de janeiro, com um saldo de cerca de 1,3 mil palestinos mortos.

O comunicado presidencial, publicado pela agência estatal de notícias síria "Sana", indica que, em sua reunião com Martin, Assad pediu um papel mais ativo da Europa no Oriente Médio para "ajudar na busca das soluções apropriadas".

Essas gestões, acrescenta a nota, com o tempo, "beneficiarão a estabilidade mundial".

A Síria é um dos países que apoiam politicamente o Hamas, e os líderes desse movimento palestino estão exilados em Damasco. EFE gb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG