crime bárbaro em Gaza e pede cúpula árabe urgente - Mundo - iG" /

Síria condena crime bárbaro em Gaza e pede cúpula árabe urgente

O governo sírio condenou, neste sábado, os ataques aéreos israelenses na Faixa de Gaza, classificando-os de crime bárbaro, e fez um apelo pela realização de uma cúpula árabe urgente.

AFP |

"A Síria acompanha com grande preocupação a bárbara agressão israelense contra o povo palestino em Gaza e afirma que se trata de um crime horrível e de um ato terrorista", destacou o Ministério sírio das Relações Exteriores, em nota.

"A Síria faz um apelo à nação árabe e à comunidade internacional para que usem todos os meios possíveis para pressionar Israel para que ponha fim, imediatamente, a essa agressão, permita a hospitalização dos feridos e abra todas as passagens fronteiriças" com Gaza, destacou o comunicado.

"A Síria, como presidente da Liga Árabe, exorta os dirigentes árabes a realizar uma cúpula urgente para examinar a situação perigosa em Gaza", acrescentou o texto.

O presidente iraniano, Mahmud Ahmadinejad, conversou por telefone com seu colega sírio, Bachar al-Assad, com quem falou sobre "o crime cometido" e "os meios para agir, por intermédio da Organização da Conferência Islâmica (OCI), para resistir à agressão lançada contra o povo palestino desarmado", informou a agência oficial de notícias síria, Sana.

Assad também fez um apelo ao emir do Qatar, xeque Hamad Ben Khalifa al-Thani, ao número um líbio, Muammar Kadhafi, e aos presidentes sudanês, Omar el-Bechir, iemenita, Ali Abdallah Saleh, e argelino, Abdelaziz Buteflika, para que organizem "uma cúpula urgente para examinar a perigosa situação na Faixa de Gaza", completou a agência Sana.

na-rm/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG