SIP elogia Bahia por indenizar família de jornalista assassinado

Miami, 25 fev (EFE).- A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) elogiou hoje o Governo do estado da Bahia pela indenização concedida à família do jornalista Manoel Leal de Oliveira, assassinado em 1998 na cidade de Itabuna.

EFE |

A indenização, cujo montante não foi divulgado, será entregue em 7 de abril à viúva e aos filhos do jornalista.

Em setembro do ano passado, o governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), assumiu a responsabilidade do estado "ao não ter garantido a liberdade de imprensa", diz a SIP, sendo esta a "primeira vez em que um estado brasileiro admite sua responsabilidade em um crime contra um jornalista".

Em carta enviada a Wagner, os leitores de diários do continente americano reconhecem o gesto político e reiteram a necessidade de sua ajuda para que a Justiça reabra o caso para deter e punir os culpados. EFE so/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG