SIP analisa no Paraguai atividade do conselho acadêmico e jornalismo digital

Assunção, 13 mar (EFE).- A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) começou nesta sexta-feira no Paraguai uma reunião com um seminário sobre a atividade de seu conselho de formação acadêmica e debates acerca da nova orientação do jornalismo digital.

EFE |

A reunião, que se realiza até a próxima segunda-feira, reúne cerca de 250 proprietários, diretores e editores de 1.300 meios impressos do continente.

A reunião foi aberta com uma apresentação do Conselho Latino-americano de Credenciamento na Educação em Jornalismo (Claep), criado pela SIP em 2000, explicou a coordenadora de Assuntos Acadêmicos, Susana Mitchell, da Universidade Católica de Buenos Aires.

Por sua parte, María Elena Vivas, da Universidade de Antioquia, se referiu aos 11 padrões que o Conselho leva em conta para a incorporação das universidades latino-americanas, no afã de fomentar e promover a excelência no ensino profissional de jornalismo.

A reunião conta também com um seminário sobre as novas audiências digitais, a cargo de Marcelo Franco, do grupo argentino Clarín, e outra dissertação acerca da integração das salas de redação multimídia, através de Marco Chiaretti, do Grupo Estado do Brasil.

A reunião, que será inaugurada oficialmente no domingo com a presença do presidente, Fernando Lugo, acontece no hotel do município de Lambaré, ao sul de Assunção, o mesmo que há duas décadas abrigou a primeira reunião que a SIP realizou no país, após a derrocada da ditadura de Alfredo Stroessner. EFE lb/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG