crucifica em véspera da cúpula - Mundo - iG" /

Sindicalista demitido se crucifica em véspera da cúpula

San Salvador, 28 out (EFE).- Um sindicalista salvadorenho, despedido de uma universidade estatal, se crucificou hoje em protesto contra a própria demissão, na véspera da inauguração da 23ª Cúpula Ibero-Americana de Chefes de Estado e de Governo.

EFE |

Luis Alfredo Martínez, secretário do Sindicato da Empresa de Trabalhadores da Universidade de El Salvador (Setues), amarrou os pés e as mãos a uma cruz plantada ao lado de um cartaz que pedia a readmissão dele e de outros dois empregados despedidos.

"Estamos sendo crucificados (...) por um pequeno grupo de poder que rege as rédeas da universidade, é por isso que decidimos lembrar o martírio de Jesus", declarou Martínez.

Ele e os outros dois empregados foram despedidos no fim de 2007 por não acatarem ordem judicial que declarava ilegal uma greve por aumentos salariais.

Desde a semana passada o Setues vem fazendo protestos, como fechamento dos edifícios da reitoria e dos escritórios administrativas da universidade.

Além disso, o coordenador do Comitê Nacional de Jovens (Conjovenes), Martín Díaz, reclamou por os jovens "não estarem representados" na cúpula que por tema "Juventude e Desenvolvimento" Díaz alegou que o sistema educacional salvadorenho tem "conteúdo 'neoliberal', orientado a criar fontes de trabalho para o mercado" e não "a serviço da sociedade" -sem especificar em que uma coisa excluiria a outra.

chm/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG