Símbolos de organizações internacionais devem ser respeitados, diz Uribe

Bogotá, 7 ago (EFE).- O presidente colombiano, Álvaro Uribe, disse hoje que é dever das forças militares respeitar regulamentos internacionais como os que impedem a utilização de alguns emblemas, em alusão ao uso de um colete com logotipos do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) durante a Operação Xeque.

EFE |

O governante fez a declaração durante uma cerimônia militar.

Em 2 de julho, um oficial utilizou um colete do CICV na operação na qual foram resgatados 15 reféns das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), entre eles Ingrid Betancourt e três cidadãos americanos.

Uribe especificou, no entanto, que não podem ser divulgados aspectos fundamentais "da tática, da estratégia" da operação.

"Por que vamos revelar a fórmula do sucesso? Nisso precisamos ser cuidadosos. Essa autocrítica (sobre regulamentos internacionais) tem de ser feita por nós", completou. EFE ocm/fr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG