Seul pede apoio a Hillary para desnuclearizar Coreia do Norte

Seul, 20 fev (EFE).- O presidente da Coreia do Sul, Lee Myung-bak, pediu hoje à secretária de Estado americana, Hillary Clinton, que viabilize uma maior integração com o Governo Barack Obama, de modo a resolver a questão nuclear norte-coreana.

EFE |

"É muito importante para nós fortalecer as relações entre Coreia do Sul e EUA, assim como com Japão, China e Rússia, para resolver a questão norte-coreana e várias outras", disse Lee a Hillary durante um almoço de trabalho, segundo a agência de notícias local "Yonhap".

Segundo o líder sul-coreano, a visita de Hillary, que chegou ontem a Seul, em sua terceira parada de uma viagem pela Ásia, é exemplo da força da aliança entre Coreia do Sul e EUA.

O presidente sul-coreano disse à nova chefe da diplomacia americana, que tomou posse do cargo em janeiro, que está convencido de que ela terá "muito sucesso" como secretária de Estado.

Já Hillary agradeceu pela recepção em Seul e disse "desejar" trabalhar com seu aliado asiático na resolução de questões internacionais como a desnuclearização da Coreia do Norte e a crise econômica global.

A ex-primeira-dama deve se reunir hoje com o primeiro-ministro Han Seung-soo. Hillary deixará no final do dia a capital sul-coreana rumo à China, última etapa de uma viagem pela Ásia que já a levou também a Japão e Indonésia. EFE ce/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG