Seul mantém alerta sobre gripe após declaração de pandemia

Seul, 12 jun (EFE).- As autoridades de saúde da Coreia do Sul anunciaram nesta sexta-feira que vão manter o atual nível de alerta sobre a gripe suína no país, apesar da declaração de pandemia global pela Organização Mundial da Saúde (OMS), informou a agência local Yonhap.

EFE |

O Ministério da Saúde sul-coreano disse que esta decisão foi adotada porque a maioria dos 56 casos confirmados até o momento na Coreia do Sul é de pessoas procedentes do exterior, e porque não ocorreu uma propagação ampla da doença no país.

As autoridades sul-coreanas não descartaram adotar outras medidas adicionais caso o vírus se espalhe pelo país.

O Governo sul-coreano deve ainda destinar um orçamento adicional para obter 1,3 milhão de doses de uma nova vacina contra a gripe, segundo a "Yonhap".

A Coreia do Sul confirmou até o momento 56 casos da gripe suína, e existem outros dois casos suspeitos. Onze pacientes estão isolados e sob tratamento para evitar uma possível propagação do vírus.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE ce/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG