Sete policiais e seis talibãs mortos no Afeganistão

Sete policiais afegãos morreram e outros sete ficaram ferids em dois ataques na província de Cabul e no norte do Afeganistão, enquanto que os militares mataram seis talibãs no oeste, anunciaram nesta quarta as autoridades afegãs.

AFP |

Mais cedo, fo noticiado que um fotógrafo espanhol e um cinegrafista indonésio da agência Associated Press (AP) ficaram gravemente feridos em um ataque com bomba no sul do Afeganistão.

O fotógrafo Emilio Morenatti, de 40 anos, e o câmera Andi Jatmiko, 44, estavam em um veículo militar da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) que foi atingido pela explosão de uma bomba de fabricação caseira em uma estrada na província de Kandahar na terça-feira.

Kandahar é uma das principais regiões na luta dirigida por Estados Unidos e pela Aliança Atlântica contra os talibãs, a poucos dias das eleições presidenciais e provinciais de 20 de agosto.

Os dois jornalistas estão hospitalizados na cidade de Kandahar, capital da província.

Soldados americanos que estavam com os jornalistas no momento da explosão também foram feridos, segundo o porta-voz da Otan no Afeganistão, capitão Glen Parents.

O fotógrafo espanhol ficou gravemente ferido em uma perna e foi necessário amputar um pé, segundo a AP. O câmera indonésio foi ferido nas duas pernas e tem duas costelas fraturadas.

Tom Curley, presidente da AP, afirmou em um comunicado que a agência não sofria vítimas tão graves há bastante tempo.

br/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG