Sete brasileiros são presos acusados de envolvimento com rede de prostituição na Itália

ROMA - Sete brasileiros foram presos pelas polícias italiana e brasileira em uma operação de combate ao tráfico de seres humanos destinados à prostituição.

Ansa |

Quatro das pessoas foram presas nas cidades italianas de Milão, Treviso e Padova e as outras foram detidas em São Paulo e Espírito Santo.

De acordo com investigações da polícia e da Interpol, a organização criminosa atuava em todo o norte da Itália, onde as mulheres, que vinham do Brasil e entravam na Itália como turistas, eram obrigadas a se prostituir.

A polícia italiana prossegue com as investigações, com o objetivo de encontrar outros possíveis envolvidos e determinar a ligação entre o grupo de brasileiros e outras organizações criminosas do país. Autoridades brasileiras já iniciaram o processo de extradição das quatro pessoas presas na Itália.

Saiba mais sobre: prostituição

    Leia tudo sobre: prostituição

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG