Sete bombas explodem na Índia e 2 pessoas morrem

NOVA DÉLHI - Pelo menos sete pequenas bombas explodiram neste sábado em Ahmedabad, no oeste da Índia, matando ao menos 15 pessoas e ferindo outras 55, anunciou uma fonte oficial.

Redação com agências internacionais |

"Segundo as primeiras informações que recebemos, há 15 mortos e muitos feridos", declarou Nipin Patel, ministro do Desenvolvimento Urbano do estado de Gujarat, do qual Ahmedabad é a capital econômica.

Os ataques ocorrem apenas um dia depois que outra série de explosões coordenadas, informou a polícia. Na sexta-feira, oito bombas explodiram na cidade de Bangalore, no sul do país, matando ao menos uma pessoa e ferindo outras seis.

As explosões deste sábado ocorreram na povoada cidade velha de Ahmedabad, dominada por sua comunidade muçulmana. Uma das bombas foi deixada em uma caixa de metal, usada para carregar alimentos.

'Fomos informados sobre sete a oito explosões', disse Shriprakash Jaiswal, do Ministério do Interior, ao canal de notícias Sahara.

Canais locais de televisão mostraram um ônibus com sua lateral explodida, janelas estilhaçadas e o teto semidestruído.

Até agora, a polícia diz que tem poucas pistas sobre as explosões em Bangalore. Neste sábado, outra bomba que não explodiu foi encontrada em um shopping de Bangalore, mas não estava claro se a bomba havia sido colocada há pouco tempo ou se deveria ter explodido nos ataques de sexta-feira.

Com informações da Reuters e AFP

    Leia tudo sobre: índia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG