Dois membros da organização de ajuda humanitária francesa Ajuda Médica Internacional (AMI) foram sequestrados na madrugada deste domingo em Ed el Fursan, no sul de Darfur, por homens armados não identificados, anunciou a ONG em um comunicado.

A entidade preferiu não divulgar os nomes e as nacionalidades dos dois reféns.

A AIM atua em Darfur desde 2004, em Jor Abache e em Ed el Fursan.

def/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.