Sequestradores de americano no Paquistão prolongam ultimato

Os militantes separatistas que sequestraram no início de fevereiro no sul do Paquistão o americano John Solecki, um funcionário da ONU que ameaçam matar, prolongaram o ultimato a pedido do governo.

AFP |

"Decidimos estender o prazo a pedido de nossos honoráveis líderes do Balushistão", afirmou o porta-voz da Frente Unida de Libertação do Balushistão.

"Um novo prazo será anunciado mais tarde", acrescentou o porta-voz, que se identificou como Mir Shahak.

Solecki, diretor do Alto Comissariado da ONU para os Refugiados (ACNUR) em Quetta, capital da província do Balushistão, foi sequestrado no dia 2 de fevereiro quando seguia para o trabalho. O motorista do veículo foi assassinado no ataque.

str-mmg/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG