Senador diz que reforma de saúde nos EUA barateará custo de planos

Passaic (EUA.), 15 jun (EFE).

EFE |

- O senador Robert Menéndez pediu hoje apoio ao plano de reforma de saúde nos Estados Unidos que, segundo disse, ajudará a reduzir o custo estabelecido pelos seguros privados e, com isso, tornar o serviço mais acessível à população.

"Na nação mais forte do planeta, praticamente não existe o acesso aos serviços de saúde com qualidade e acessível", disse o democrata por Nova Jersey acompanhado de líderes comunitários, trabalhadores e proprietários de pequenas empresas de Passaic.

Menéndez não só se referiu aos 47 milhões de americanos que não possuem cobertura médica, mas a toda a população do país.

"Estou me referindo também a milhões de famílias da classe média e às famílias trabalhadoras, que têm seguro de saúde, mas que não contam com atendimento adequado", disse.

Em entrevista concedida no centro de saúde do North Hudson Community Action Corporation, o legislador disse que a expansão de opções de seguro permitirá a redução substancial dos custos, ao gerar concorrência nesta indústria.

Desta maneira, tanto empregadores quanto empregados poderão adquirir planos de saúde selecionados de acordo com suas próprias necessidades. EFE mca/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG