O líder da maioria democrata no Senado, Harry Reid, indicou nesta quarta-feira que os legisladores se preparam para votar na próxima semana uma versão com alterações do orçamento de 3,6 bilhões de dólares apresentado pela Casa Branca.

Depois de uma visita do presidente norte-americano Barack Obama a seus companheiros de partido no Senado, Reid afirmou à imprensa que se sente confiante de que "todo o Senado aprovará esse orçamento na próxima semana".

A reunião a portas fechadas "nos deixou contentes e focados no que precisamos fazer", disse Reid ao lado do senador democrata Kent Conrad, chefe da comissão de orçamento.

O orçamento é principalmente uma declaração de prioridades para gastos e impostos que serve como uma guia não estrita para as comissões especiais que decidem os gastos do governo.

A Resolução da Câmara de Representantes diminui o déficit para 1,2 trilhão de dólares em 2010, contra a cifra do presidente de 1,4 trilhão.

A versão do Senado também ajustará os planos de Obama sobre o corte de impostos para a classe média devido à deterioração do panorama fiscal, mas preserva seus pontos prioritários.

"Este orçamento protegerá as prioridades do presidente Obama -educação, energia, o sistema de saúde, corte de impostos à classe média- e reduz o déficit à metade", antecipou Reid.

ok/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.