Senado dos EUA confirma Petraeus para comando no Oriente Médio

WASHINGTON (Reuters) - O Senado dos Estados Unidos confirmou por maioria nesta quinta-feira o general do Exército David Petraeus como comandante das regionais militares responsáveis pelas operações norte-americanas no Oriente Médio, incluindo Iraque e Afeganistão. O Senado confirmou Petraeus no comando com 95 votos contra 2.

Reuters |

Também foi confirmada por 96 votos contra 1 a nomeação do tenente General Raymond Odierno como comandante no Iraque, substituindo Petraeus. Odierno, que anteriormente serviu como vice de Petraeus no comando das forças norte-americanas no país, será promovido a general.

O Comando Central é considerado o mais difícil de se dirigir entre os regionais militares.

Juntos, Petraeus e Odierno implementaram uma nova estratégia militar que é considerada responsável pela diminuição da violência.

Como chefe do Comando Central, Petraeus irá supervisionar operações militares na região que inclui Irã, Paquistão e outros 25 países, além de águas internacionais estratégicas e economicamente significativas, como as do Golfo.

Petraeus assume o cargo em um momento de aumento de tensões com o Irã, que nesta semana testou mísseis que segundo Teerã, poderiam chegar a Israel e bases norte-americanas na região.

O general também está diante do que autoridades dos EUA classificam como novas ameaças da Al Qaeda no Paquistão, além da violência crescente no Afeganistão.

'Todos nos preocupamos com a piora da situação no Afeganistão', disse o senador John Warner, um republicano de Virginia, dizendo que a guerra é uma prioridade para Petraeus.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG