Senado de Massachusetts aprova nomeação de substituto de Kennedy

Por Kevin McNicholas BOSTON (Reuters) - O Senado de Massachusetts aprovou nesta terça-feira a nomeação pelo governador de um substituto interino no Senado norte-americano para a vaga deixada por Edward Kennedy e preencher a 60a cadeira para os democratas durante a batalha para a aprovação da reforma da saúde.

Reuters |

O Senado local, dominado pelos democratas, aprovou a medida por 24 votos a 16, após passagem pela Câmara na semana passada. O projeto voltará para as duas casas na quarta-feira para votação final para ser assinado pelo governador Deval Patrick, um democrata a favor da medida.

Patrick deve nomear um substituto temporário para Kennedy em alguns dias e certamente escolherá um democrata. A medida devolverá ao partido os 60 votos que precisa no Senado norte-americano para superar as barreiras republicanas, dando ao presidente Barack Obama um impulso enquanto tenta aprovar sua reforma da saúde e outras leis polêmicas ainda este ano.

"Todos os votos são cruciais e a falta deste voto de Massachusetts prejudicaria aqueles que estão tentando alguma forma de reforma na saúde", disse Paul Watanabe, professor de ciência política da Universidade de Massachusetts, em Boston.

"Certamente todas as indicações são de que o presidente Obama estimulou isso", afirmou.

Kennedy, morto em agosto vítima de câncer no cérebro, foi um dos mais liberais do Senado norte-americano por quase cinco décadas e fez da reforma da saúde sua principal bandeira ao dar sequência ao legado político de sua família.

Sem um substituto temporário, a cadeira de Kennedy ficaria vazia até uma eleição especial, em 19 de janeiro, para a escolha de um senador permanente até 2012, afetando o plano de Obama de aprovar ainda este ano a reforma de 2,5 trilhões de dólares no sistema de saúde do país.

(Reportagem adicional de Catherine Bremer)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG