Seis supostos militantes são mortos em explosão em Karachi

Por Faisal Aziz KARACHI (Reuters) - Seis supostos militantes morreram nesta sexta-feira durante uma explosão num refúgio localizado na cidade paquistanesa de Karachi, informou a polícia. Os explosivos, que estavam armazenados, teriam detonado por acidente.

Reuters |

Karachi estava praticamente livre da violência de militantes nos últimos dois anos, mas a explosão de uma bomba na semana passada, durante uma procissão da minoria xiita, levantou preocupações de que militantes poderiam estar expandindo para o centro comercial do Paquistão.

A explosão de sexta-feira num bairro pobre da cidade deve contribuir para aumentar os temores.

"Parece que algumas das pessoas dentro das casas eram militantes", disse o policial local, Ghulam Hussain Korai.

Seis pessoas morreram na explosão que derrubou a casa, e armas foram encontradas nos escombros, disse à Reuters o chefe policial de Karachi, Waseem Ahmed.

"A polícia recuperou um fuzil Kalashnikov e duas granadas de mão", disse Ahmed. "Também prendemos dois suspeitos que foram feridos na explosão."

Karachi é o centro paquistanês do mercado de ações, o banco central e os dois portos principais.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG