Seis mortos e 39 feridos em atentados rebeldes separatistas na Índia

Pelo menos seis pessoas morreram e 39 ficaram feridas neste domingo em dois atentados com bombas na Índia no estado de Assam, disse a polícia.

AFP |

O primeiro ataque ocorreu na aldeia de Kumarikata, a cerca de 70 quilômetros a oeste da principal cidade Guwahati.

"O mercado estava cheio de pessoas quando ocorreu a explosão, matando seis pessoas no local e ferindo cerca de 35", disse um alto funcionário policial à AFP.

Quinze pessoas estão em estado crítico.

No segundo ataque, militantes suspeitos em uma moto atacaram uma patrulha da polícia no distrito de Nagaon, cerca de 135 quilômetros ao leste de Guwahati.

"Os militantes lançaram uma granada em uma equipe de patrulha da polícia, ferindo três oficiais e um civil", disse essa fonte.

As forças de segurança suspeitam que os ataques foram cometidos pela Frente Unida de Libertação de Asom (ULFA).

O ULFA é um grupo rebelde que luta por uma pátria independente em Assam desde 1979. Mais de 10.000 pessoas já morreram nas últimas duas décadas.

Leia mais sobre Índia

    Leia tudo sobre: índia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG