Seis morrem asfixiados enquanto procuravam tesouro no México

México, 4 mar (EFE).- Seis pessoas, entre elas dois membros das equipes de resgate, morreram na segunda-feira na localidade de San José del Rincón, no centro do México, quando escavavam um túnel em um antigo poço de água enquanto buscavam um suposto tesouro, informaram hoje fontes municipais.

EFE |

Um responsável da Cruz Vermelha no Estado do México disse à Agência Efe que a hipótese mais provável é que as quatro primeiras pessoas que morreram tenham usado uma bomba de gasolina que gerou monóxido de carbono demais.

Segundo a versão dada à imprensa local pelo oficial da Prefeitura de San José del Rincón, Isidro Cruz González, os moradores da localidade afirmam que as quatro vítimas fatais escavavam em busca de um suposto tesouro, em uma área que conta com várias minas abandonadas.

As outras duas vítimas eram membros das equipes de resgate que foram ao local e também morreram por asfixia.

Em declarações à Efe, o diretor-geral de Defesa Civil do Estado do México, Arturo Vilchis Esquivel, disse que, durante os trabalhos de resgate, iniciados na própria segunda-feira, um paramédico e um membro da Defesa Civil morreram por efeito do gás dentro do túnel, do qual um bombeiro conseguiu escapar. EFE pem/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG