Paris, 20 abr (EFE).- Seis em cada dez franceses consideram que o primeiro ano da Presidência de Nicolas Sarkozy foi um fracasso, diz uma pesquisa do instituto Viavoice que será publicada amanhã no jornal Libération.

Após liderar o primeiro turno das eleições Presidenciais de 22 de abril de 2007 diante da Ségolène Royal, Sarkozy foi eleito com mais de 53% dos votos em 6 de maio de 2007 e assumiu o cargo dez dias depois.

Segundo a pesquisa, 59% dos entrevistados afirmam que o primeiro ano do presidente conservador foi "um fracasso", em comparação aos 20% que pensam que foi "um sucesso".

Já 19% acreditam que não foi nem um fracasso nem um sucesso, e 2% não se pronunciaram.

Outra pesquisa, da Ifop e que foi publicada hoje pelo "Journal du Dimanche", indica que para 79% dos pesquisados a ação de Sarkozy e de seu Governo desde sua eleição "não permitiu" melhorar a situação da França e dos franceses.

A popularidade do presidente caiu um ponto percentual em abril, para 36%, nesta pesquisa, enquanto na da Viavoice está em 38% (2 pontos percentuais a menos). EFE ao/bf/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.