Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Segundo maior aeroporto britânico será vendido

O segundo maior aeroporto da Grã-Bretanha, o aeroporto de Gatwick que serve Londres, foi colocado à venda pela proprietária British Airport Authority (BAA). A medida foi tomada quatro semanas depois de a Comissão de Concorrência da Grã-Bretanha ter informado que a BAA poderá ter que vender três de seus aeroportos na Grã-Bretanha devido ao temor de domínio da BAA no mercado.

BBC Brasil |

O aeroporto, que registrou movimento de 35,1 milhões de passageiros em 2007, está avaliado em 1,8 bilhão de libras (cerca de R$ 5,7 bilhões) e várias companhias já estariam interessadas.

Entre os possíveis compradores do aeroporto estaria a companhia australiana Macquarie, a alemã Fraport e os proprietários do aeroporto de Manchester. A companhia aérea britânica Virgin Atlantic manifestou interesse, mas faria a compra apenas como parte de um consórcio.

Relatório
A Comissão de Concorrência deve divulgar seu relatório completo apenas em 2009, mas afirmou que a BAA, de propriedade da Ferrovial da Espanha, terá que vender três de seus sete aeroportos na Grã-Bretanha.

Três destes aeroportos estão no sudeste: Heathrow (que foi usado por 67,8 milhões de passageiros em 2007), Gatwick e Stansted (23,7 milhões de passageiros em 2007). A BAA já descartou a venda de Heathrow.

"Decidimos iniciar o processo de venda do aeroporto de Gatwick imediatamente", afirmou o diretor-executivo da BAA, Colin Matthews.

"Gatwick tem sido parte importante e valiosa da BAA e a decisão de venda não foi fácil. Acreditamos que os clientes do aeroporto, funcionários e negócios (ligados ao aeroporto) serão beneficiados com a resolução rápida da atual situação de incerteza", acrescentou.

Outros aeroportos
A companhia também opera os aeroportos de Edimburgo, Glasgow e Aberdeen, na Escócia, e Southampton, no sul da Inglaterra.

"Quando a Comissão de Concorrência publicou seus resultados provisórios, afirmamos que daríamos uma resposta realista, apesar de discordarmos do relatório da comissão e da análise no qual é baseado", disse Matthews.

Matthew disse à BBC que o mercado vai estabelecer o preço de venda do aeroporto de Gatwick.

Depois do anúncio da BAA, a Comissão de Concorrência divulgou uma declaração afirmando que encontrou provisoriamente problemas de concorrência em cada um dos sete aeroportos britânicos da BAA.

A comissão vai analisar as propostas de soluções que recebeu e, se estas forem implementadas como foram propostas, "vamos pedir à BAA que venda dois de seus três aeroportos de Londres e também o de Edimburgo ou de Glasgow".

"Claro, vamos levar em conta qualquer ação da BAA neste meio tempo que possa influenciar nos problemas de competição que identificamos de forma provisória", acrescentou a comissão.

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG