Sede da Associação Israelita uruguaia sofre atentado com bomba

Montevidéu, 12 jan (EFE).- A sede da Associação Cultural Israelita no Uruguai sofreu hoje um atentado com uma bomba incendiária que não deixou feridos, mas destruiu a fachada do local, informaram fontes policiais.

EFE |

O prédio está situado próximo ao centro de Montevidéu e, durante a madrugada passada, uma garrafa com combustível foi atirada contra sua fachada e quebrou vidros, queimando a porta principal do local.

Na parte superior do edifício funciona uma escola israelense, cujos alunos estão de férias e que não foi destruída pelo ataque.

A Polícia uruguaia iniciou uma investigação para tentar localizar os responsáveis do atentado, mas não houve testemunhas do ataque.

Na semana passada, 200 pessoas se manifestaram pelo centro de Montevidéu levando cartazes de solidariedade para com a Palestina e acusando Israel de protagonizar um "genocídio" contra os palestinos em Gaza.

A manifestação, organizada pela Comissão de Apoio ao Povo Palestino, terminou em frente da embaixada israelense, onde foi queimada uma bandeira de Israel, mas não houve maiores incidentes.

EFE jf/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG