Secretário-geral ibero-americano pede envio rápido de ajuda a Haiti

Madri, 13 jan (EFE).- O titular da Secretaria-Geral Ibero-Americana, Enrique Iglesias, fez hoje uma chamada a todos os membros dessa região para que estejam presentes de maneira rápida no Haiti com toda a ajuda humanitária possível, após o terremoto registrado no país caribenho na terça-feira.

EFE |

Enrique Iglesias expressou, em comunicado divulgado em Madri, seu "grande pesar e preocupação" com o terremoto que "atingiu o povo haitiano, agregando imensos custos humanos e materiais a sua já deprimida economia".

Diante da catástrofe, o secretário-geral ibero-americano pediu a "todos os membros da comunidade ibero-americana uma rápida presença no Haiti, com toda a ajuda humanitária possível, e também fortalecer os programas de cooperação para reconstruir o país".

A Secretaria-Geral Ibero-Americana enviará assim que for possível uma missão para se unir "aos esforços da comunidade internacional e suas instituições", concluiu Iglesias.

O Exército brasileiro confirmou hoje que pelo menos quatro militares do país que fazem parte da força de paz da ONU no Haiti (Minustah) morreram em consequência do terremoto de 7 graus na escala Richter que atingiu na terça-feira esse país caribenho, enquanto pelo menos cinco militares ficaram feridos. EFE me/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG