Secretário-geral de Comunidade Andina renuncia ao cargo

Lima, 20 abr (EFE).- O secretário-geral da Comunidade Andina (CAN), o equatoriano Freddy Ehlers, renunciou ao cargo faltando quase dois anos para completar seu mandato, comunicou hoje à Agência Efe o próprio Ehlers em entrevista.

EFE |

O equatoriano, que ficaria no cargo até janeiro de 2012, disse que a razão da renúncia é o retorno a seu país "a uma missão de serviço", sobre a qual não forneceu mais detalhes.

Ehlers, que ontem comunicou sua renúncia aos chanceleres dos quatro países-membros (Equador, Peru, Bolívia e Colômbia) e ao pessoal da Secretaria-Geral, com base em Lima, continuará exercendo suas funções até 7 de maio.

Até lá o nome do substituto será indicado pelos quatro países-membros, mas afirmou que deseja que um equatoriano ocupe o posto.

Freddy Ehlers, que foi um renomado jornalista em seu país e candidato presidencial, não esclareceu se a "missão" à qual retorna a seu país se refere a um cargo público ou a uma nova aventura política. EFE fjo/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG