Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Secretário-geral da ONU pede que Iêmen investigue ataque à embaixada dos EUA

Nações Unidas, 17 set (EFE).- O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, condenou hoje o ataque terrorista contra a Embaixada dos Estados Unidos em Sana, capital iemenita, onde morreram pelo menos 16 pessoas.

EFE |

Em declaração, Ban pediu às autoridades do Iêmen que "não poupem esforços para levar os responsáveis à Justiça".

Um comando que seria vinculado à Al Qaeda atacou o complexo onde fica a embaixada dos Estados Unidos em Sana, em ataque que matou seis atacantes, seis guardas de segurança e quatro civis, além de deixar 16 feridos - 13 civis e três agentes de segurança -, segundo fontes policiais desse país.

O principal responsável da ONU expressou sua tristeza pelas vítimas fatais e enviou suas condolências aos familiares e aos dos feridos.

Ressaltou também que "os ataques contra as instalações diplomáticas e seu pessoal no mundo vão contra a lei internacional e são totalmente inaceitáveis". EFE emm/an

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG