Secretário-geral afirma que Otan não considera Rússia uma ameaça

Moscou, 12 set (EFE).- O secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), Jaap de Hoop Scheffer, afirmou hoje que a Aliança Atlântica não considera a Rússia uma ameaça, durante uma visita à Letônia, cujas autoridades estão preocupadas com a agressiva política externa de Moscou.

EFE |

"A Otan não considera a Rússia uma ameaça", disse Hoop Scheffer depois de se reunir com o presidente da Letônia, Valdis Zatlers, citado pela agência oficial russa "Itar-Tass".

Ao mesmo tempo, Scheffer garantiu à Letônia e aos outros dois países bálticos (Estônia e Lituânia) que o atual sistema de defesa da Aliança é "eficaz".

"Que ninguém tenha a menor dúvida de que a Otan pode iniciar esse sistema rapidamente", disse.

O secretário-geral da Otan ressaltou que os aviões aliados continuarão patrulhando o espaço aéreo das três repúblicas bálticas.

"Os países bálticos podem estar absolutamente tranqüilos", disse, e se mostrou disposto a abordar com as autoridades da Letônia a situação no Cáucaso.

"Esperamos que a Otan garanta nossa segurança", disse o presidente letão.

Políticos da Letônia pediram à Otan que delineie um plano de defesa especial para os bálticos, enquanto, na Estônia, alguns setores pediram à Aliança que coloque uma base militar em seu território. EFE io/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG