Washington, 10 jun (EFE).- O secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Henry Paulson, dirá a seus parceiros do Grupo dos Oito (G8, que reúne os sete países mais industrializados e a Rússia) este fim de semana que a economia do país tem que melhorar até o final do ano apesar das dificuldades enfrentadas, afirmaram fontes do órgão estatal.

"O secretário Paulson dirá a seus colegas do G8 que a correção no mercado hipotecário, a turbulência nos mercados financeiros e os elevados preços da energia seguem pesando sobre a economia dos EUA.", disse hoje em entrevista coletiva David McCormick, subsecretário de assuntos internacionais do Tesouro.

"Embora ainda estejamos lidando com assuntos relacionados com os imóveis e os mercados de capital e esperamos seguir fazendo isso durante algum tempo, também esperamos um ritmo maior de crescimento para a economia dos EUA antes do final do ano", acrescentou McCormick.

O funcionário adiantou que os ministros do G8 dedicarão grande parte de seu tempo a falar dos preços da energia e a atual crise global de alimentos. EFE tb/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.