Washington, 22 mai (EFE).- O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Robert Gates, defendeu hoje a decisão da Casa Branca de fechar Guantánamo, ao dizer que o simples nome da prisão condena a estratégia antiterrorista americana.

O responsável pelo Pentágono disse, em entrevista à rede de televisão "NBC", que Guantánamo é "provavelmente uma das melhores prisões no mundo na atualidade".

Ele afirmou que o centro de detenção manchou a reputação dos Estados Unidos no mundo.

Gates afirmou que uma vez adotada a decisão de fechar o local, a pergunta é "onde colocar" os detidos.

Tanto democratas como republicanos se opõem a que os cerca de 240 detidos na unidade em Cuba sejam transferidos a solo americano.

Gates insistiu em que Obama não fará nada que ponha em perigo os cidadãos americanos e ressaltou que nunca alguém fugiu de uma prisão de segurança máxima nos EUA.

Obama reiterou ontem sua intenção de fechar Guantánamo apesar do Congresso ter lhe negado os fundos para fazê-lo. EFE tb/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.