Sauditas rejeitam pedido de Bush para aumentar produção de petróleo

O presidente americano George W. Bush, durante visita à Arábia Saudita, pediu novamente que o país aumentasse sua produção de petróleo para tentar reduzir o preço do produto, que nesta sexta-feira bateu novamente o recorde chegando a quase US$ 128 por barril.

BBC Brasil |

Mas, depois da reunião entre Bush e o rei Abdullah, em Riad, a Arábia Saudita declarou que a produção está equilibrada.

Segundo autoridades sauditas, o país já está atendendo a demanda e já havia aumentado a produção de petróleo em 300 mil barris por dia no início de maio.

"Fornecimento e demanda estão equilibrados atualmente. O quanto a Arábia Saudita precisa fazer para satisfazer as pessoas que estão questionando nossas práticas e políticas petrolíferas?", disse o ministro saudita do Petróleo, Ali al-Nuaimi.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG