Saúde de Fujimori é estável, diz relatório médico

Lima, 19 mai (EFE).- O ex-presidente peruano Alberto Fujimori sofre de alguns problemas bucais, mas sua saúde é estável e ele poderá continuar sendo julgado por violações dos direitos humanos, disse hoje o Instituto Médico Legal (IML) da capital.

EFE |

Na manhã desta segunda-feira, a Suprema Corte do Peru ouviu um relatório do IML que detalha os problemas de saúde de Fujimori.

Segundo o chefe do instituto, Luis Bromley, a saúde de Fujimori, que governou o país entre 1990 e 2000, é estável, e a indisposição que ele teve na quarta-feira passada - que provocou a suspensão de uma audiência - foi uma "gastroenterocolite" gerada por um alimento em mau estado de conservação.

Após ouvir o relatório médico, o presidente da Sala Especial Penal da Suprema Corte, César San Martín, pediu que o ex-presidente passe por mais exames para que a origem do seu mal-estar seja determinada. EFE dub/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG