Sarkozy voltará ao Egito porque há via para cessar-fogo, diz Fillon

Paris, 6 jan (EFE).- O primeiro-ministro da França, François Fillon, disse hoje que há uma via, embora muito estreita, para conseguir um cessar-fogo na Faixa de Gaza, e essa é a razão pela qual o presidente francês, Nicolas Sarkozy, decidiu prolongar sua viagem pela região.

EFE |

"Há uma via, embora seja muito estreita, para obter, graças à pressão do conjunto de atores, um cessar-fogo no terreno", disse Fillon na Assembléia Nacional, em resposta à pergunta de um deputado sobre os esforços diplomáticos de Sarkozy na área.

Por essa razão, acrescentou Fillon, o chefe do Estado francês decidiu prolongar sua viagem pela região e retornar ainda hoje ao Egito para voltar a se reunir com o presidente egípcio, Hosni Mubarak, na localidade turística de Sharm el-Sheikh.

Sarkozy tomou esta decisão após o encontro que manteve hoje, em Damasco, com o presidente sírio, Bashar al-Assad, acrescentou o primeiro-ministro francês.

Segundo Fillon, o objetivo da França e de seu presidente é o fim "imediato" dos combates entre as forças israelenses e os milicianos do Hamas, porque, entre outras razões, é urgente fazer frente à "grave" situação humanitária na área. EFE pi/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG