O presidente francês Nicolas Sarkozy chegou nesta quinta-feira a Kinshasa para uma breve visita durante a qual se reunirá com os dirigentes da República Democrática do Congo (RDC, ex-Zaire) para abordar os esforços de paz na região dos Grandes Lagos.

A visita de Sarkozy se viu ofuscada, no entanto, pelas declarações que fez, em janeiro passado, sugerindo que a RDC e Ruanda compartilhassem as riquezas mineiras da regiao fronteiriça para acabar com a guerra que arrasa da província de Kivu.

A proposta foi mal recebida em Kinshasa e descrita como uma tentativa de desmembrar o território do ex-Zaire em benefício de Ruanda.

pa/jpc/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.