se faça toda a luz sobre situação do Irã - Mundo - iG" /

Sarkozy pede que se faça toda a luz sobre situação do Irã

Paris, 15 jun (EFE).- O presidente francês, Nicolas Sarkozy, pediu hoje que se faça toda a luz sobre a situação no Irã, onde se sucedem os protestos pelo resultado das eleições presidenciais realizadas na sexta-feira passada.

EFE |

Em comunicado, Sarkozy manifestou estar "profundamente preocupado com o desenvolvimento da situação política" no Irã, onde o presidente do país, Mahmoud Ahmadinejad, foi reeleito em primeiro turno com 63% dos votos.

O chefe de Estado francês condenou "as violências contra os manifestantes, as detenções de opositores e de personalidades políticas e as restrições às liberdades públicas, à liberdade de expressão e de comunicação".

"Vários candidatos da oposição contestaram a validade da apuração. Seria inaceitável que manipulações tivessem falseado o resultado da votação contra a vontade democraticamente manifestada pelo povo iraniano", acrescenta Sarkozy.

A declaração do presidente é divulgada horas depois de o Ministério de Assuntos Exteriores francês ter convocado o embaixador iraniano na França para "apresentar explicações sobre os eventos no Irã" devido às "dúvidas sobre a regularidade da apuração" dos votos nas eleições presidenciais.

A embaixada do Irã emitiu posteriormente um comunicado no qual expressou sua "condenação" pelo que qualificou de "tentativas de apoio aos manifestantes e aos que turvam a segurança" da república islâmica.

"Nem a França, nem nenhum outro país está em uma situação que permita expressar a menor dúvida sobre a recente eleição presidencial iraniana", acrescentou a embaixada.

A diplomacia iraniana também afirmou que as autoridades francesas deveriam atender melhor às necessidades dos próprios cidadãos franceses como consequência "da crise econômica e do desemprego na França". EFE jam/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG