Sarkozy diz que França enviará mais 700 soldados ao Afeganistão

Bucareste, 3 abr (EFE).- O presidente da França, Nicolas Sarkozy, disse hoje em Bucareste que seu país enviará ao Afeganistão mais 700 soldados, que serão posicionados no leste do país asiático, o que permitirá que os EUA transfiram mais tropas ao sul, onde apoiarão ao Canadá em sua luta contra os talibãs.

EFE |

"A França e a Alemanha compartilham a análise sobre o que devemos fazer no Afeganistão. Por isso, anunciamos o reforço de 700 soldados franceses, para melhorar a segurança do Afeganistão", disse o presidente francês, à margem da cúpula de chefes de Estado e Governo da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

"Não vejo como vamos aceitar o retorno dos talibãs (no Afeganistão)", disse Sarkozy, em entrevista coletiva conjunta com a chanceler alemã, Angela Merkel.

A França tem cerca de 1.400 efetivos no Afeganistão, concentrados na parte leste do país, considerada tranqüila, comparada à zona sul.

EFE jk/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG