Sarkozy convoca UE para cúpula sobre a Geórgia e a Rússia

Paris, 24 ago (EFE).- O presidente da França, Nicolas Sarkozy, que atualmente também está à frente da União Européia (UE), convocou os chefes de Estado do bloco para um cúpula em Bruxelas no dia 1º de setembro, quando debaterão a crise da Geórgia, informou hoje o Palácio do Eliseu.

EFE |

A cúpula abordará ainda "o futuro das relações da UE com a Rússia", acrescenta o comunicado.

Sarkozy "decidiu responder às solicitações de vários Estados-membros convocando uma reunião extraordinária do Conselho Europeu", diz a nota.

"Esta reunião será dedicada à crise na Geórgia", incluindo a continuação da ajuda que a UE pretende doar e "suas futuras relações com a Rússia", acrescenta.

Sarkozy pediu no sábado ao presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, a rápida retirada de suas tropas da estrada georgiana que liga as localidades de Poti e Senaki, ao leste do país, mas agradeceu por ter "mantido seus compromissos sobre a retirada das mesmas", em conversa telefônica.

O presidente francês serviu de mediador para que Rússia e Geórgia assinassem um acordo de seis pontos que prevê o recuo das tropas russas e georgianas para as posições anteriores ao início das hostilidades.

O comunicado divulgado ontem pelo Palácio do Eliseu dizia que Sarkozy e Medvedev se mostraram convencidos da "importância de pôr plenamente em andamento os seis pontos do acordo de cessar-fogo" e que "evocaram separadamente o ponto 5 do acordo, relativo às medidas adicionais de segurança". EFE jaf/wr/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG