Sarkozy anuncia o retorno da França ao comando militar da Otan

O presidente Nicolas Sarkozy anunciou nesta quarta-feira, em Paris, o retorno da França ao comando militar da Otan no interesse da França e da Europa.

AFP |

A França havia deixado a estrutura militar da Otan em 1966, sob a presidência do general Charles de Gaulle, permanecendo, no entanto, membro da Aliança Atlântica.

"Chegou o momento de pôr fim a esta situação, no interesse da França e da Europa", declarou Nicolas Sarkozy, em discurso pronunciado em Paris, na Escola Militar.

"Concluindo este longo processo, a França será mais forte e mais influente. Por que? Porque as ausências são sempre erradas, porque a França deve liderar em conjunto mais que se submeter. Porque devemos estar no local onde são tomadas as decisões e normas, mais que esperar de fora que nos notifiquem", afirmou.

"Uma vez lá, manteremos nosso lugar nos grandes comandos aliados", acrescentou.

"Manteremos nossa dissuasão nuclear independente", insistiu.

prh-hr/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG