Sapos ameaçam crocodilos na Austrália

Sapos venenosos estão provocando uma considerável mortalidade de crocodilos de água doce na Austrália, o que coloca a espécie em risco, advertiram especialistas.

AFP |

Os sapos-cururus (Bufo Marinus), com a cabeça salpicada de veneno, provocaram o desaparecimento de mais da metade dos crocodilos em alguns rios dos Territórios do Norte, anunciou o professor Keith Christian, da Universidade Charles Darwin.

"Um estudo recente no rio Victoria revelou que, em um ano, 77% dos crocodilos morreram depois de ingerir sapos-cururus", declarou.

Esta espécie de sapo, originária da América Central e do Sul, foi introduzida em 1935 na Austrália para erradicar os coleópteros que arrasavam as plantações costeiras de cana-de-açúcar.

Os sapos proliferaram até constituir uma população de milhões de animais que representam uma ameaça para a fauna e a flora.

Os anfíbios têm atrás da cabeça pequenos depósitos que contêm um veneno tão potente que pode provocar a morte em questão de minutos a crocodilos, cobras e outras espécies.

lb/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG