Sapatos aguardam primeiro discurso de Bush como ex-presidente dos EUA

Manifestantes recolheram sapatos para protestar contra o ex-presidente George W. Bush, que escolheu o Canadá como palco de seu primeiro discurso desde que deixou a Casa Branca, declarou nesta terça-feira uma das organizadoras do protesto.

AFP |

Bush desembarcou em Calgary, na província de Alberta (oeste do Canadá), onde deve pronunciar um discurso nesta terça-feira durante um almoço a portas fechadas para 1.500 pessoas, que pagaram 400 dólares canadenses (315 dólares) para participar do evento, segundo a imprensa local.

Porém, diante do centro dos Congressos onde Bush deve discursar, manifestantes pretendem saudar sua presença atirando sapatos contra um retrato do ex-presidente americano.

"Esperamos cerca de 200 pessoas. Haverá cartazes, e oradores para denunciar os crimes cometidos por Bush", declarou à AFP Colette Lemieux, da Aliança canadense pela Paz, organizadora do protesto.

"Ele é um criminoso de guerra, e tem que prestar contas", afirmou.

"Recebemos sapatos de todo o país, em sinal de solidariedade", destacou.

O protesto é inspirado do jornalista iraquiano Muntazer al-Zaidi, famoso no mundo inteiro por ter arremessado seus sapatos contra Bush durante uma coletiva em Bagdá. Ele foi condenado a três anos de prisão.

Bush inicia no Canadá uma série de pelo menos dez discursos, em uma viagem que deve o levar também à Europa e à Ásia. Seu primeiro discurso, em Calgary, é intitulado "Uma conversa com George W. Bush", mas os temas sobre os quais o ex-presidente pretende discursar não foram revelados. A imprensa não foi convidada para o discurso.

De acordo com a rede CBC, Bush chegou a Calgary na noite de segunda-feira a bordo de um avião particular, e foi jantar num restaurante italiano da cidade.

ps/yw/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG