Líder opositor do Comitê Cívico de Santa Cruz, Branko Marinkovic, pediu ao presidente da Bolívia, Evo Morales, que respeite a vitória do estatuto autonômico no referendo local nessa próspera região, que seria esmagadora.

"O goberno tem a obrigação legal e moral de respeitar o voto; numa democracia o governo é obrigado a fazer o que diz o povo", afirmou durante uma festa popular improvisada na praça de Armas da cidade.

Segundo resultados anunciados pelas televisões locais, 85% da população votou Sim ao governo autônomo, enquanto o poder Executivo relativizou os resultados.

jac/rb/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.