Sala das ONGs no Bella Center de Copenhague quase deserta

O espaço reservado às ONGs na conferência sobre o clima de Copenhague, muito movimentada no início da semana, estava quase deserto nesta quinta-feira, após uma nova redução do credenciamento da sociedade civil.

AFP |

"Como podem decidir sem nós?", questionam cartazes fixados nos vários estandes abandonados do amplo corredor reservado às ONGs e associações humanitárias da ONU.

"A sociedade civil foi afastada das negociações", afirma outro cartaz.

O número de entradas entregues às ONGs, que caiu de 7.000 a 1.000 entre segunda-feira e quarta-feira, viu uma nova redução de 300 nesta quinta-feira, informou à AFP Axel Wuestenhagen, coordenador da organização da 15ª Conferência da Convenção das Nações Unidas sobre a Mudança Climática (CNUCC).

A maioria dos membros do Greenpeace, da WWF, dos Amigos da Terra, da 350.org e da Avaaz, as principais ONGs em Copenhague, foi obrigada a se retirar e apenas 20 pessoas permaneciam na sala na manhã desta quinta-feira.

Novos locais foram criados para receber as ONGs no fórum alternativo "Klimaforum" no centro de Copenhague, que tem uma conexão por TV com o Bella Center.

A maior parte das grandes ONGs se instalava no local nesta quinta-feira, segundo um dos coordenadores do Klimaforum, Niels Fastrup.

Na sexta-feira, com a presença de 120 chefes de Estado e de Governo no Bella Center para o último dia da conferência, apenas 90 credenciais serão distribuídas às ONGs, que denunciam um "Passgate", um escândalo das credenciais.

map/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG