Saída de Melo fecha fraca participação do Brasil no Aberto da Austrália

Redação Central, 28 jan (EFE).- Após a saída forçada do brasileiro Marcelo Melo da chave de duplas mistas, devido à lesão de sua parceira, a francesa Alizé Cornet, o Brasil fechou sua fraca participação no Aberto da Austrália.

EFE |

Com a eliminação de Melo por W.O nas quartas do torneio, o Brasil passou a não ter mais chances de obter um título em Melbourne. Até nos juvenis os dois representantes do país, Gabriel Dias e Fernanda Faria, já estão fora.

A campanha brasileira na Austrália começou com o paulista Thomaz Bellucci, que perdeu para o taiuanês Yen-Hsun Lu por 3 sets a 0, com parciais de 6-3, 7-5 e 6-4, pela primeira rodada.

Marcos Daniel, também na primeira rodada do torneio de simples, foi desclassificado por Jeremy Chardy, da França, ao perder por 3 sets a 0, com parciais de 6-4, 6-4 e 6-1.

Na chave de duplas masculinas, Bruno Soares, jogando ao lado do zimbabuano Kevin Ullyett, perdeu para a parceria formada por Mardy Fish e John Isner nas oitavas-de-final.

Bruno Soares teve destino parecido ao dos mineiros Melo e André Sá, que perderam para os argentinos Lucas Arnold Ker e Juan Monaco e foram desclassificados do torneio.

Antes de desistir na última terça-feira, Melo havia eliminado o próprio Sá, que joga ao lado da ucraniana Alona Bondarenko, na chave de duplas mistas.

Também nas duplas mistas, Bruno Soares ficou fora ainda na primeira fase. O brasileiro, ao lado da russa Alisa Kleybanova, perdeu por 2 sets a 0 para a suíça Patty Schnyder e o sul-africano Wesley Moodie. EFE rd/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG